Raza

Raza da Índia, com uma obra em azulejo denominada “Les Océans”, salienta os elementos essenciais, “a visão da terra, dos oceanos, da luz, da natureza, onde a humanidade inteira respira como uma só família.”.

S.H. Raza nasceu em 1922, no estado de Madhya Pradesh, na Índia. É um dos mais reconhecidos artistas indianos.

Fez o curso de pintura na Nagpur School of Art (Nagpur) e na Sir J. J. School of Art (Mumbai). Durante a frequência desta última escola tornou-se membro do Grupo de Artistas Progressivo. Nessa altura experimentou o modernismo ocidental, que se estava a afastar do expressionismo, em direcção à abstracção.

Estabeleceu-se em França em 1950 - embora os seus laços com o seu país de origem se tenham mantido fortes – onde prosseguiu os seus estudos na Escola de Belas Artes de Paris.

Os seus quadros - predominantemente em acrílico e óleo - centram-se sobretudo na natureza e suas múltiplas facetas e estão repletos de ícones da cosmologia e filosofia indiana, com uma forte componente de cor. Evoluíram das paisagens puras expressionistas para paisagens abstractas. Raza acredita que o “Bindu” é o centro da criação e existência e a sua obra reflecte esta crença particular. Ainda que a vibração das suas obras se tenha tornado mais subtil com o tempo, o seu dinamismo está mais vivo do que nunca.

Recebeu o prestigiado prémio “Padma Shree” pelo governo indiano, em 1981, bem como o “Kalidas Samman”, pelo governo de Madhya Pradesh.

Bookmaker with best odds http://bbetting.co.uk review site.